Publicidade

  • image
  • VERDE
  • ELEICOES

EU REPORTER ; SERINGUEIRA ... SAÍDA ? ? ...

      Assisti a entrevista, sobre a palestra ocorrida no último dia 27 na dependências da UENP. O que tenho a afirmar sobre o assunto,é que : Nosso município é predomina NITOSSOLOS, cuja estrutura física é, altos teores de argila. O solo a ser cultivado com seringueira, para que a mesma apresente um bom desenvolvimento, deve apresentar NO MÁXIMO 20 % de ARGILA, além de, apresentar perfil profundo, sejam livres de “cascalhos”, alta permeabilidade, enfim , características comuns aos LATOSSOLOS.

      Estou levantando a questão pois, implantei um seringal cultivado no município de Salto do Céu  -MT , na década de 80, sob a supervisão da “antiga” SUDHEVEA e,na época, no município vizinho de Tangara da Serra foi plantado um seringal em solo com teor de argila ( + de 20 % ) e o desenvolvimento das plantas deixou a desejar pois, em solos “pesados” o desenvolvimento radicular é prejudicado; não sei se neste período as necessidades, com relação as características físicas do solo, da  seringueira mudaram e ela está adaptada a outras condições. É sabido que na região do arenato Caiua , Paranavaí e adjacências , encontram-se várias propridades com seringais em produção, há alguns anos pois, houve incentivo do governo estadual como uma alternativa aos produtores da região , a principal caracteristica desta região é a predominancia de ocorrência de : solos LATOSSOLOS .

      Louvo a inciativa do nosso Secretário da Agricultura e da UENP, embora nossos solos não apresentem restrições quanto a fertilidade, acho que , neste caso, pode haver restrições físicas para o BOM desenvolvimento das SERINGUEIRAS .

      Paulo Rensi

      Bandeirantes – PR

Você está aqui: Home Jornalismo Eu Repórter EU REPORTER ; SERINGUEIRA ... SAÍDA ? ? ...